top of page
  • Foto do escritorcontatogilsonss

Lalibela - Jamais iria imaginar que seria possível esculpir igrejas em rochas....

Atualizado: 10 de abr.


Bet Gyorgis - Igreja de São Jorge
Bet Gyorgis - Igreja de São Jorge

Por incrível que pareça, não existe só uma; mas onze. Todas elas ativas, com seu interior decorado e pronto para visitas.

Falo das igrejas de Lalibela, uma cidade na província de Amhara na Etiópia. As onze igrejas ficam debaixo do nível do terreno e foram esculpidas sobre enormes rochas basálticas.

E pasmem; 10 delas estão interligadas por valas, túneis e passagens, muito semelhante a uma pequena cidade construída só por pedras, sem tijolos, cimento e madeiras. Um santuário da Igreja Ortodoxa da Etiópia. Todo conjunto foi declarado patrimônio da humanidade pela UNESCO em 1978.



Interior da Bet Marian - Igreja de Maria
Interior da Bet Marian - Igreja de Maria

Observe os detalhes talhados nas colunas


A história nos conta que as igrejas foram construídas a mando do rei Gebre Mesqel Lalibela por volta do ano de 1185. Não há registros históricos sobre a construção, somente lendas. Uma delas conta que o rei queria construir ali uma Nova Jerusalém, evitando que seus súditos morressem ou passassem perigos peregrinando até a Terra Santa.


Bet Abba Libanos - Casa de Líbanos
Bet Abba Libanos - Casa de Líbanos

Outra, conta que o rei foi envenenado pelo seu irmão e enquanto ficou entre a vida e a morte, recebeu uma ordem de Deus para construir a Nova Jerusalém nos seus domínios. Ao se recuperar, atendeu as ordens divinas.

Não se tem registros exatos de quanto tempo demorou para construí-las. Os mais fiéis acreditam em 23 anos. A lenda conta que a construção durou só 23 anos porque anjos trabalhavam a noite, enquanto dos empregados descansavam.

Imaginem que trabalho..... Onze igrejas, com áreas internas, janelas, portas, colunas decoradas......


Bet Meskel - Igreja da Cruz. Dedicada a 50 monjas assassinadas pelos romanos
Bet Meskel - Igreja da Cruz. Dedicada a 50 monjas assassinadas pelos romanos

Estudiosos ao avaliarem os estilos das igrejas acreditam que foram feitas em diferentes épocas, não acreditando nos 23 anos, mesmo aceitando a ajuda dos anjos.


Observe a seguir a localização das igrejas, e o túnel ou passagem que as interliga.


Mapa das igrejas em Lalibela
Mapa das igrejas em Lalibela

Um pouquinho de cada igreja:


Isolada no lado oeste da cidade: 1) Bet Giyorgis (Igreja de São Jorge). A mais impressionante de todas. É a mais conservada entre elas. Tem uma forma de cruz grega. Segundo a lenda, foi a última a ser construída.


No Nordeste da cidade: Bet Uraiel. Semelhante a uma gruta, e mais 5 igrejas: 2) Bet Meskel (Igreja da Cruz). Dedicada às 50 monjas assassinadas pelo governador romano Juliano; 3) Bet Golgotha & Bet Mikael ou Bet Debre Sina (Igreja do Monte Sinai). Na verdade são duas construções o que leva muitos a considerarem não onze, mas doze igrejas; 4) Bet Maryam (Igreja de Maria); 5) Bet Danaghel (Igreja das Virgens). Possui a aparência de uma capela e 6) Bet Medhane Além (Igreja Casa do Salvador do Mundo). É a maior igreja. No seu interior tem a cruz de Lalibela, em ouro maciço.


Interior da Bet Gabriel-Raphael (Igreja de Gabriel e Rafael).
Interior da Bet Gabriel-Raphael (Igreja de Gabriel e Rafael).

Detalhe de uma pintura em madeira chamada de ícone na Igreja Ortodoxa. Os ícones são elementos de veneração como as estátuas na Igreja Católica


No lado sudeste da cidade: 7) Bet Amanuel (Igreja de Emanuel). É a igreja mais alta do conjunto com onze metros; 8) Bet Merkorios (Igreja de São Mercúrio). É a menor igreja talhada; 9) Bet Abba Libanos (Casa de Líbanos). Talhada em forma de bloco prismático; 10) O santuário Bet Lehem, e 11) Bet Gabriel-Rugael (Igreja de Gabriel e Rafael). Para chegar até ela deve-se passar por uma pequena ponte de madeira sobre um poço de 10 m de profundidade.


Bet Meskel - Igreja da Cruz. Dedicada a 50 monjas assassinadas pelos romanos
Bet Golgotha & Bet Mikael ( Igreja do Monte Sinai )

Bet Golgotha & Bet Mikael (Igreja do Monte Sinai)






130 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


bottom of page