top of page
  • Foto do escritorcontatogilsonss

Maniqueísmo. A luta entre o bem e o mal....

Atualizado: 1 de mar. de 2023

O Maniqueísmo é uma filosofia religiosa idealizada pelo profeta e filósofo Manes ou Maniqueu, que viveu na Pérsia no Séc. III. De forma contrária aos pensamentos religiosos dominantes na época, dividiu o mundo entre o BEM, ou Deus, e o MAL, ou o Diabo. Ele acreditava que toda matéria era intrinsicamente MÁ, e o espírito, intrinsicamente BOM.

Manes ou Maniqueu
Manes ou Maniqueu

Para Maniqueu, a fusão do reino da luz com o reino das trevas teria originado o mundo material, essencialmente mau. Para redimir a existência imperfeita dos homens, os "pais da justiça" (Zoroastro, Buda, Jesus), vieram até a Terra. Porém, a mensagem que trouxeram foi corrompida pelos homens. O objetivo de Maniqueu era completar a missão dos "pais da justiça".

O Maniqueísmo se espalhou pelo Oriente Médio. A Igreja Cristã condenou a doutrina maniqueísta como herética em diversos sínodos (reuniões de autoridades religiosas) realizados desde o Séc. IV. No entanto, as ideias de Maniqueu permaneceram vivas até a Idade Média ( Séc. V a XV ).


Um dos maiores filósofos cristãos da Idade Média, Agostinho de Hipona ou Santo Agostinho ( 354 - 430 ), quando jovem, acreditou que o maniqueísmo fosse a solução para a sua busca teológica de unir a razão com a fé. No entanto, seus estudos fizeram abandonar esta tese, sobretudo pela visão que era dada a Deus, e a ideia de ter o mal como um dos princípios da existência. Santo Agostinho então, assumiu definitivamente a religião cristã, e fundamentou a relação entre a alma e o corpo como sendo a base para todo seu pensamento filosófico. Após se converter definitivamente ao cristianismo, tornou-se um dos principais opositores do maniqueísmo.

Santo Agostinho
Santo Agostinho


Hoje, o termo maniqueísmo passou a ser um adjetivo para as doutrinas fundadas nos princípios opostos do bem e do mal. Um pensamento maniqueísta é aquele que, diante de tanta complexidade dos fatores envolvidos, busca reduzir uma situação a uma simples relação entre o bem e o mal, o certo e o errado. A "demonização" do outro e de suas ideias, e a "santificação" de si e aquilo que você pensa, acompanham o pensamento maniqueísta.


O maniqueísmo está presente nos debates políticos que hoje ocorrem na sociedade brasileira. As opiniões estão polarizadas. As pessoas abandonam todos os preceitos políticos que possuem, e a política se reduz a um debate simplista entre o certo e o errado.


210 visualizações1 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

1 Comment


corremarcoaurelio
Aug 20, 2022

Muito bom o texto.

Like
bottom of page